277 - Arritmias Ventriculares Flashcards Preview

Cardio - 2017 KI > 277 - Arritmias Ventriculares > Flashcards

Flashcards in 277 - Arritmias Ventriculares Deck (214)
Loading flashcards...
151

V ou F

A elevação do ponto J é comummente vista como uma variante do normal, e que na ausência de sintomas, a sua relevância clínica não é conhecida.

VERDADEIRO

152

A TV polimórfica catecolaminérgica pode ser devida a mutações onde?

- Recetor da rianodina cardíaca (mais comum),
- Proteína sarcoplasmática de ligação de cálcio: calsequestrina 2

153

Os doentes com TV polimórfica catecolaminérgica apresentam-se com uma TV que é polimórfica ou que tem uma morfologia alternante de QRS, denominada:

TV bidirecional

155

As arritmias ventriculares polimorficas da TV catecolaminérgica são muito semelhantes às provocadas pela toxicidade de que fármaco?

Digitálica

156

Qual é a terapêutica recomendada na TV polimórfica catecolaminérgica?

• Bloq beta (nadolol e propanolol) e CDI

• Verapamil, flecainida ou desenervação simpática cardíaca esquerda cirúrgica diminui ou previne a TV recorrente em alguns doentes.

157

A cardiomiopatia hipertrófica é uma causa proeminente de causa de morte súbita antes dos ___ anos.

35 anos

158

Qual é a doença cardiovascular genética mais comum?

É a Cardiomiopatia hipertrófica, ocorrendo em 1:500

159

Factores de risco para CMH

Idade Jovem
TV não sustentada
Incapacidade de aumentar a PA no exercicio
Síncope Recente (<6 meses)
Espessura Ventricular >3cm
Gravidade de obstrução VE

160

Quais são os doentes com CMH que têm indicação para colocar CDI?

Doentes de alto risco

O perfil especifico de risco para indicação de implantação de cardiosdesfibrilhador continua a ser debatido

161

Qual é a taxa de morte súbita associada à miectomia nos doentes com CMH?

Taxa de morte súbita de menos de 1% por ano

A ablação transcoronária septal com feita com etanol tem uma morte súbita de 1-5%

162

V ou F

Mutações em genes que codificam proteínas nucleares como laminina A e C e no gene SCN5A estão particularmente associadas a doença do sistema de condução e arritmias ventriculares

V

163

Quais são os doentes com CM dilatada não isquémica genética que têm indicação para CDI?

- TV sustentada-
- Doentes de alto risco por depressão significativa da função ventricular (FEVE inferior a 35% associado a IC)
- História familiar de morte súbita

164

V ou F

TV polimórfica ou monomórfica sustentada que degenera em FV é uma causa comum de paragem cardíaca intrahospitalar

Falso.

Paragem cardíaca fora do hospital

165

Formas genéticas representam __-__% dos casos de cardiomiopatia dilatada não-isquémica

Formas genéticas representam 30-40% dos casos de cardiomiopatia dilatada não-isquémica

166

Que atitude terapêutica é recomendada caso uma causa transitória reversível como EAM não seja identificada na origem da FV?

Colocação de CDI ou tratamento crónico com amiodarona nos doentes sem condições para CDI

167

Definição de tempestade eléctrica

Três ou mais episódios separados de TV dentro de 24 horas, mais comummente encontrada em doentes com CDI

168

Medidas terapêuticas na TV incessante ou tempestade eléctrica

- Medidas que reduzem o tónus simpático (Bloq beta, sedação, e anestesia geral)
- Amiodorona/lidocaína e.v.
- Ablação percutânea urgente

169

Qual é a escolha terapêutica de primeira linha para a maioria das arritmias ventriculares?

Beta bloqueadores

A sua eficácia deve-se ao facto de muitas arritmias ventriculares são sensíveis a estimulação simpática e a que a estimulação simpática também diminui os efeitos eletrofisiológicos de muitos fármacos
antiarrítmicos.

170

Em que arritmias é que os beta bloqueadores são particularmente eficazes e em quais é que tem um papel limitado?

São particularmente úteis nas arritmias induzidas por exercicio e arritmias idiopáticas
Têm eficácia limitada na maioria das arritmias associadas com doença estrutural.

171

Quais são os antiarrítmicos bloqueadores dos canais de sódio que também têm efeitos no bloqueio de canais de potássio e que prolongam o QT?

Quinidina, disopiramida e procainamida

172

V ou F

O tratamento a longo termo com antiarrítmicos bloqueadores dos canais de sódio é normalmente evitado em doentes com doença estrutural cardíaca.

V

173

O sotalol e dofetilide bloqueiam os canais de potássio rectificadores tardios, prolongando o intervalo ____.

intervalo QT

174

Qual é o único antiarrítmico bloqueador dos canais de sódio que parece não ter efeitos inotrópicos negativos que podem contribuir para aumento da mortalidade observado em doentes com enfarte prévio?

Quinidina

175

V ou F

O sotalol pode ter actividade beta bloqueadora não selectiva

V

176

Qual é o principal efeito lateral associado aos antiarrítmicos bloqueadores dos canais de potássio?

Pró-arritmia com Torsade de Pointes devido a prolongamento de QT, que ocorre em 3-5% dos doentes

Estes devem ser evitados em doentes com outros factores de risco para Torsade de Pointes

177

V ou F

O sotalol e dofetilide precisam de ajust de dose em caso de insuficiência renal

V

178

V ou F

A amiodorona é mais eficaz do que o sotalol na redução dos choques pelo CDI e é o fármaco preferido para arritmias ventriculares em doentes com patologia cardíaca que não são candidatos ao CDI

V

179

V ou F

A amiodarona tem actividade simpaticomimética

F

Amiodarona tem actividade SIMPATICOLÍTICA

180

Qual é o tipo de efeitos adversos principalmente responsáveis pela descontinuação da amiodarona?

A amiodarona tem efeitos adversos cardíacos e não cardíacos, sendo que estes últimos são os RESPONSÁVEIS pela descontinuação da medicação em aproximadamente 1/3 dos doentes

181

A pneumonite ou fibrose pulmonar ocorre em aproximadamente __% dos doentes

A pneumonite ou fibrose pulmonar ocorre em aproximadamente 1% dos doentes